FDA aprova medicamento inovador para Alzheimer

Fda Aprova Medicamento Inovador Para A Saúde Do Alzheimer

A Administração De Alimentos E Medicamentos Dos Eua Finalmente Deu A Aprovação Tradicional A Um Medicamento Que Demonstrou Retardar A Progressão Do Alzheimer

Um Comunicado De Imprensa Da Fda Afirmou Que A Designação Foi Oficializada Na Quinta-Feira

Hoje Marca Um Avanço No Tratamento Da Doença De Alzheimer E Estamos Orgulhosos De Estar Na Vanguarda Da Nova Era De Avanços

É A Primeira Droga Que Provou Retardar A Progressão Do Alzheimer, Uma Doença Neurológica Que Leva A Um Declínio No Pensamento E Na Memória

Teresa Buracchio É Diretora Do Escritório De Neurociência Do Centro Fdas Para Avaliação E Pesquisa De Medicamentos

Ensaios Clínicos Em Pessoas Com Comprometimento Cognitivo Leve Ou Demência De Alzheimer Foram A Base Da Luz Verde Preliminar Da Leqembis Em Janeiro

Os Que Receberam Um Placebo Experimentaram Um Declínio 27 Mais Lento Nas Habilidades Cognitivas Do Que Aqueles Que Receberam A Droga

O Primeiro Tinha Uma Capacidade Superior Para Realizar Tarefas Diárias

À Luz Dos Ensaios Positivos, O Comitê Da Fda Votou Que É Um Tratamento Seguro E Eficaz Para Pacientes Com Doença De Alzheimer

Apesar Dos Especialistas Alertarem Que O Remédio Não É Uma Cura Para O Alzheimer, Ele Existe

Não Impede Que As Pessoas Piorem, Mas Retarda A Progressão Da Doença

Os Efeitos Colaterais Do Leqembi Incluem Inchaço Cerebral E Anormalidades Relacionadas À Amiloide

Uma Criança Brinca Em Um Toboágua No Parque De Diversões Da Georgia

Mantenha-Se Atualizado Com As Últimas Notícias De Última Hora